CONFESSIONS: LISBOA DE OUTRO PRISMA - Clothes Up

sexta-feira, 16 de outubro de 2015

CONFESSIONS: LISBOA DE OUTRO PRISMA

Sabem aquelas pessoas que se aventuram por aí e descobrem sítios que vocês nunca ouviram falar e que são uma pequena maravilha?


Pois bem, o meu namorado tem uma amigo desses. Ele e outro rapaz "descobriam" o Panorâmico do Monsanto, um antigo restaurante no alto de uma das colinas de Lisboa com vista de 360º acima da altura das árvores.


Pesquisando na net dá para ver fotografias antigas do espaço, construido em 1967 e aberto em 1968 que não têm nada a ver com aquilo que encontramos lá hoje. Descobri que aquilo depois de restaurante já foi escritórios, discoteca, casino, entre outras coisas e, agora é um espaço abandonado e completamente vandalizado...

Apesar de muita gente ir para lá estragar, vandalizar ainda mais ou até coisas piores, eles, das várias vezes que lá foram foi apenas para descobrir o espaço, ver a vista e tirar fotografias...

Eu fui lá pela primeira vez anteontem, depois de os ouvir contar as histórias das várias idas lá, de noite e de dia, de os ouvir falar da vista maravilhosa de Lisboa que vai de Cascais a Alverca e da Margem Sul quase toda...
Tentei controlar aquele pequeno medo que dá ir a um sítio abandonado com uns quatro ou cinco andares e lá fui eu...

Agora o que se vê é completamente devastador para quem vê as fotografias antigas... 


Vidros partidos espalhados pelo chão, tectos a cair, grafiitis por todo o lado... Mas compensa tanto....

Explorámos ao máximo todo o restaurante. Os andares inferiores e subterrâneos não dizem grande coisa mas à medida que se vai subindo e se começa a ver a vista, até parece que se esquece o mundo...


Para chegar ao topo, àquela parte que na fotografia antiga tem as letras, tem de se subir uma espécie de alçapão... Nós como éramos muitos ajudávamo-nos uns aos outros e até se tornou fácil...

Depois é só sentir a vista. Respirar. Ver Lisboa de outro prisma... Parece que os problemas desaparecem todos...

Adorava que alguém pegasse neste espaço, o reabilitasse e transformasse o topo num miradouro 360º.
Aposto que ninguém vandalizava mais aquilo e que muito mais gente ia perceber a maravilha que Lisboa é.


 

Sem comentários:

Enviar um comentário